Mesmo com a aprovação do Projeto de Lei das O.S., a categoria definiu em assembleia na tarde desta segunda (23/4), com mais de 5 mil pessoas, que a GREVE CONTINUA!

Vestidos de preto em protesto à truculência da Polícia Militar e da Guarda - a mando do prefeito e vereadores -, os trabalhadores do serviço público municipal de Florianópolis mantêm a paralisação, que alcança o 12° dia.

Mobilizada e firme em paralisar mais locais de trabalho, a categoria exige a retirada do projeto que privatiza o serviço público da cidade.

Na próxima quarta-feira, 25 de Abril, terá o Ato Unificado Movimento Sindical e Popular

TODOS JUNTOS EM DEFESA DO SERVIÇO PÚBLICO

17hs em frente ao TICEN - FLorianópolis